Cotemig: Sua revolução começa aqui

Menu

Segundo estudos da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), o mercado de TI registra anualmente um déficit de 24 mil especialistas no Brasil. A perspectiva é que até 2024 sejam demandados 420 mil novos profissionais, no entanto, a oferta é de apenas 42 mil profissionais por ano.

Com isso em foco, a startup mineira eNotas, especialista em automatizar o fluxo de emissão de Nota Fiscal de Produto Eletrônica (NF-e) em qualquer lugar do Brasil, em parceria com a Faculdade COTEMIG, deram início a um curso gratuito de desenvolvimento de sistemas voltado para pessoas de baixa renda.

Cerca de 180 inscritos da região metropolitana de Belo Horizonte participaram da pré-seleção realizada pela eNotas e desses, 20 participantes foram selecionados e agora estão tendo a chance de aprimorarem seus conhecimentos em C#, uma das linguagens mais difundidas no mundo, capaz de disponibilizar vastos recursos de programação.  

Para Dayane Soares, diretora da Faculdade COTEMIG, por meio das aulas será possível promover o conhecimento e fomentar cada vez mais o mercado da tecnologia. “Enquanto instituição de formação e comprometidos com a inserção do aluno no mercado de trabalho, nos sentimos honrados em juntos com a empresa eNotas, realizarmos este projeto. Afinal, a linguagem de programação em C# é sempre muito demandada pelas empresas. Mais que um curso, esses estudantes estão recebendo a chance de ingressarem na área de TI, uma das que mais crescem no mundo”, afirma.

Vale ressaltar que durante todo o curso os alunos têm acompanhamento de mentores voluntários da startup que, além de auxiliar os estudantes em caso de dúvidas nos exercícios, ministram palestras complementares à capacitação.

A formação é dividida em três módulos: básico, intermediário e avançado, totalizando 150 horas. As aulas remotas tiveram início no dia 29 de março e estão sendo ministradas pelo professor da Faculdade COTEMIG, Lucas Schmidt, especialista em desenvolvimento Web e Mobile e mestre em Ciência da Computação. 

Segundo o Prof. Schmidt, “o curso contribui, não só, para atender essa enorme demanda do mercado, mas principalmente, para proporcionar a capacitação de alto nível e esperança às pessoas que buscam novas oportunidades e alternativas”. 

Compartilhe: